Atuação e Método

Atuação e Método


Quem pretendemos atingir

Desejamos chegar a todos aqueles que se encontrem insatisfeitos consigo e com o que os rodeia e que pretendam iniciar um processo de crescimento interior, em busca do melhor de si mesmos e dos que estão à sua volta. Devolver-lhes a esperança desde que estejam dispostos a evoluir para um ser humano melhor. 

Dizer-lhes que trazem dentro de si o homem novo, que neste momento se encontra adormecido. E que esse homem, uma vez desperto, mudará a maneira como se vêem a si próprios e aos outros. Para eles temos um instrumento poderoso com provas dadas sob a forma das sessões individuais da Terapia Trajetória de Vida. 

Sabemos que mudar pessoas é apenas meio caminho andado. Por isso pretendemos chegar aos pequenos grupos, às comunidades locais, escolas, prisões, grupos de auto-ajuda, orfanatos, etc.. Mas também às empresas, associações culturais, ONGs e todo o tipo de grupos de pessoas onde se pretenda a melhoria do relacionamento interpessoal e a eficácia do funcionamento interno. Todos eles serão os candidatos naturais e imediatos às Oficinas para atingir os fins procurados.

Como fazer a mudança 

Para mudar, contamos com a acção dos Agentes Ativos da Felicidade, distribuídos por quatro áreas de intervenção – Educação, Saúde, Empresas, Comunidades. Por isso, a formação destes agentes é, para nós, prioritária. Serão eles a levar as técnicas e os valores capazes de produzir a mudança até aos diferentes tipos de grupos – comunidades, instituições, etc. – onde irão desenvolver a sua actividade. E, na medida em que isso for acontecendo, as pessoas que os compõem deverão ser levadas progressivamente a despertar o homem novo dentro de si. Quando isso acontecer, elas também, serão transformadas em novos Agentes Ativos da Felicidade. 

O que queremos

Queremos contribuir para a construção de um mundo melhor e mais justo, onde o bem-estar e a felicidade individuais e das comunidades sejam o objetivo a atingir através do empenho de todos.  

Queremos lá chegar de baixo para cima, começando por mudar as pessoas, fazendo delas cidadãos informados e conscientes, socialmente integrados e ativos e, através delas, as comunidades, instituições, etc. onde estão inseridas. 

Queremos que, neste processo, o despertar do homem novo conduza ao aparecimento de comunidades positivas e que elas realizem todo o seu potencial curativo.

Queremos, finalmente que, em resultado dos passos anteriores, as sociedades inteiras venham a assumir o bem-estar e a felicidade dos seus membros como obetivo final a ser atingido. Sabemos que não será para amanhã, mas que os pequenos passos que juntos formos dando a isso levarão. Até lá, sustenta-nos a Esperança.

Nota: Informações mais detalhadas sobre a Psicoterapia Trajetória de Vida podem ser encontradas no livro Hipnose Clínica: Teoria, Pesquisa e Prática. Marto, José M.; Simões, Mário P., eds.. Lisboa: Lidel, que contém um capítulo sobre esta terapia.